logo
Prosas e Histórias
     

10/08/2017
Café da Tiche será pauta da Vertentes Cultural

Visitamos o casal Juarez e Sandra e conhecemos uma nova proposta: bebida diferenciada e gourmet, mas sem perder as raízes.

Foto: Deividson Costa

A edição número 9 da revista Vertentes Cultural só sai do forno em dezembro. Mas já começamos a misturar todos os ingredientes da publicação semestral sobre gente empreendedora, cultura, mercado, negócios e cooperativismo.

E foi exatamente por isso que nossa equipe visitou a Fazenda Santana, a 16km de São Tiago, para um bate-papo com o casal Juarez e Sandra Assis. Além de protagonistas em um matrimônio que já supera 30 anos, os dois mineiros são idealizadores de uma nova linha de “café gourmet”, o Café da Tiche.

O produto, que entrou no mercado regional há cerca de dois anos e tem crescido em favoritismo nos municípios locais, é baseado em uma filosofia que busca o sabor diferenciado da bebida tradicional.

No entanto, se engana quem pensa que a fórmula é mirabolante. “O que defendemos, aqui, é o beneficiamento do café desde a semente ao momento da torragem, entregando-o com a maior pureza possível ao consumidor”, explica Juarez. “Embora haja maquinário para implementar as atividades, é o cuidado humano que faz a diferença. Só colhemos após acompanhar pessoalmente a maturação do grão, em um momento adequado que evita inclusive que ele vá ao solo. O mesmo acontece para torrá-lo. Há o ponto certo para chegar a um sabor consistente. Algo que só acontece por não fazermos nada em proporção industrial”, completa Sandra.

via GIPHY

Nas opções em grão e em pó, o Café da Tiche tem essa marca em homenagem à mulher de mesmo nome que, por décadas, acompanhou a família Assis e, junto a variedades da gastronomia de Minas Gerais, preparava três vezes ao dia uma garrafa do tradicional parceiro de quitutes do Estado.

É esse café com “ternura, bondade e sinceridade” que Juarez e Sandra servirão, aliás, durante a edição 2017 da Festa do Café com Biscoito, em setembro. A história completa do empreendimento você confere na próxima edição gratuita da Vertentes Cultural.

Até lá, que tal folhear o que lançamos até aqui. Basta clicar neste link.

 

WhatsApp Email LinkedIn Google+